Busca na UnAN:
  • Tudo
destaques
Eleições norte-americanas e as Relações Externas
Especialistas debatem o processo eleitoral norte-americano e o impacto na política externa
Assessoria de Comunicação e Imprensa
07/07/2015
Da esq. para a dir.: Finguerut, Ayerbe e Solange

Membros do projeto Sem Diplomacia apontam as diferentes perspectivas, tanto dentro do Partido Democrata quanto do Partido Repúblicano, para a definição dos pré-candidatos a eleição presidencial dos Estados Unidos, em 2016. Luis Fernando Ayerbe, Ariel Finguerut e Solange Reis apresentame anialisam as características de cada um dos possíveis candidatos, e como a escolha de um deles pode impactar na Política Externa estadunidense. Os três professores e pesquisadores em Relações Internacionais participaram da décima-nona edição do programa Sem Diplomacia (veja vídeo abaixo).

Os pontos de análise
Nos Estados Unidos, começou o processo de definição de pré-candidaturas para disputar as primárias nos partidos Democrata e Republicano para as eleições presidenciais de 2016. Entre os Democratas, desponta como favorita a ex-Secretária de Estado Hillary Clinton e entre os Republicanos quatro opções, três já declaradas, polarizarão a escolha, os senadores Marco Rubio, Rand Paul e Ted Cruz, representativos das alas mais conservadoras do partido, e o ex-governador da Flórida, considerado em relação aos anteriores menos ideológico e mais pragmático.

Para além das vinculações partidárias, a diferenciação dos perfis de cada candidato torna-se importante, especialmente no tema do Programa relacionado à política externa, em função das recentes iniciativas assumidas pelo presidente Obama.

A partir de novembro de 2014, quando o governo perde a maioria no Senado para o Partido Republicano, que já controlava a Câmara de Representantes, sem ilusões sobre obtenção de resultados significativos para projetos que dependam do legislativo, e sob o risco de tentativas de reversão de matérias aprovadas, como a reforma da saúde, Obama volta-se para o seu legado, passando a implementar iniciativas que retomam a pauta mudancista que alavancou o sucesso da sua candidatura.

Após meses de negociações secretas com Cuba, anuncia em  17 de dezembro de 2014, conjuntamente com o presidente cubano, reatamento diplomático entre os dois países. Conduz processo de negociação envolvendo o Irã e os outros quatro membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU (Rússia, China, França e Inglaterra), ao qual se soma a Alemanha, que em 2 de abril de 2015 estabelece um acordo preliminar para a limitação e supervisão por 25 anos do programa de enriquecimento de urânio iraniano em troca de levantamento das sanções contra o país.

Nos dois casos, as manifestações predominantes entre os Republicanos tem sido de oposição, com ameaças de reversão pelo Congresso ou por futuro governo presidido pelo partido.

A partir do perfil das pré-candidaturas em ambos os partidos, quais os cenários para a política externa dos EUA? Simples continuidade da atual caso vença Hillary Clinton ou mudança radical, revertendo importantes iniciativas como as negociações com Cuba e Irã?

Os debatedores
Solange Reis é doutora em Ciência Política pela UNICAMP; pesquisadora no Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU), onde coordena o Observatório Político dos Estados Unidos (OPEU). Ariel Finguerut é Doutor em Ciência Política pela Unicamp, pesquisador do Instituto de Estudos Econômicos Internacionais (IEEI) da Unesp e membro da equipe do Sem Diplomacia.

O mediador Luis Fernando Ayerbe é professor da Faculdade de Ciências e Letras, Câmpus de Araraquara, e do programa San Tiago Dantas, e coordenador do IEEI. Ele também é membro do Conselho Acadêmico do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU), da Red de Integración de América Latina y el Caribe (REDIALC) e membro Associado do Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (CEDEC). Tem experiência nas áreas de História e Estudos Internacionais, atuando principalmente nos seguintes temas: America Latina contemporânea, política externa de Estados Unidos, relações inter-americanas, cultura e relações internacionais, análise de conflitos. Em 2001 recebeu o Prêmio Casa de las Américas, na categoria Ensaio Histórico-Social, pelo livro Estados Unidos - América Latina: a construção da hegemonia.

Veja o programa:

O projeto:

O espaço Sem Diplomacia, parceria entre o Instituto de Estudos Econômicos e Internacionais e a Assessoria de Comunicação e Imprensa da Unesp, tem como finalidade divulgar análises e comentários de natureza polêmica sobre eventos internacionais. As fontes de referência são jornais, revistas, blogs, sites de think tanks, ONG´s e demais meios em que o posicionamento afirmativo dispensa preocupações discursivas e de conteúdo com a moderação e a busca de consensos na opinião pública. 

Nosso objetivo é contribuir para a informação e o debate sobre a conjuntura internacional a partir do registro de visões que por seu teor ideologizado e partidarizado tendem a ficar à margem da divulgação dos grandes meios jornalísticos, justamente porque vão direto ao ponto, sem rodeios, Sem Diplomacia. Os artigos postados levam o mesmo título da fonte de origem, acompanhado de uma síntese explicativa sobre seu conteúdo e o link para acesso à versão completa. As análises oriundas da equipe do Sem Diplomacia ou de colaboradores externos são publicadas nas seções Opinião e Podcast

A equipe é composta por Adalton Oliveira, Ariel Finguerut, Carolina Silva Pedroso, Cinthia Leone, Daniel Patire, Luis Fernando Ayerbe, Marcelo Carneiro, Matheus de Oliveira Pereira, Oscar D´Ambrosio, Roberto Moll, Sara Toledo.

Atendimento Online UnAN Nosso Atendimento Online é um sistema que está pronto para ajudá-lo com suas demandas. Acesse agora e conte com nossa parceria!
unan@unesp.br
(+55 11) 5627-0327
produtos

Guia de Profissoes UnespVestibular UnespClipping UnespTV UnespRádio Unesp
ACI - Assessoria de Comunicação e Imprensa da Unesp
Rua Quirino de Andrade, 215 - 4o andar
Centro - São Paulo - SP - 01049-010
(+55 11) 5627-0327
unan@unesp.br UnAN - Acesse também por Smarthphone e Tablet
Facebook Unesp ReitoriaTwitter Unesp ReitoriaInstagram Unesp Reitoria